ODIABO600x200

José Figueiredo

Professor universitário e economista

O Estado espanhol consegue obter uma maior pujança económica do que Portugal, apesar de ter também um enorme fardo de juros a pagar.

A evolução económica portuguesa não tem sido a melhor ao longo da última década, conforme informação constante da Tabela 1. No período 2006-2015, Portugal não consegue atingir num único ano um patamar de crescimento económico de 3%. Por comparação, a vizinha Espanha atingiu neste mesmo período, por três vezes, níveis de crescimento económico superiores a 3%.

Porque não consegue Portugal sair da anemia económica?

Para os apoiantes da Geringonça, a culpa desta situação relaciona-se com o fardo da dívida pública e, por consequência, dos inerentes juros. Contudo, antes de 2008, a dívida pública portuguesa era inferior a 100% do PIB (actualmente, este rácio é de 130%), e o argumento da dívida e do respectivo serviço não colhe.

Paralelamente, porque atinge Espanha um nível de crescimento económico superior a 3%, por três vezes em 10 anos? Porque se mexe melhor o gigante espanhol, face à pequena realidade portuguesa (o PIB espanhol é 6 vezes maior do que o português)?

  • Leia este artigo na íntegra na edição impressa desta semana.
  • Leão Detroll

    Portugal não cresce porque não temos TGV e um aeroporto novo para Lisboa !!