O actual primeiro-ministro, o mesmo homem que criticava o anterior Governo por ser demasiado submisso face à UE, cede a tudo o que os eurocratas lhe põem à frente. Propostas eleitorais manhosas que retiram influência a Portugal? Ele assina. Novos...

António Costa verga-se perante a União Europeia

O actual primeiro-ministro, o mesmo homem que criticava o anterior Governo por ser demasiado submisso face à UE, cede a tudo o que os...

Rei Carol da Roménia: Quando o Estado Novo contrariou a Alemanha Nazi

FERNANDO DE CASTRO BRANDÃO Embaixador de carreira jubilado Em 1940, forçado a abdicar do trono da Roménia, o Rei Carol II escolheu Portugal como país de...

Caso Manuel Vicente envenena relações com Angola

EVA CABRAL O ‘caso Manuel Vicente’ está a minar as relações de Portugal com Angola. Os homens-fortes de Luanda não querem entender que num regime...

Angola: quando um “cabaz de Natal” se transforma em obscenidade

Se fosse no período “colonial”, não faltariam acusações de exibicionismo capitalista e segregação. Como tudo se passa na Luanda “independente”, parece que é normal… Já...

Costa dá continuidade aos negócios da China

PAULO COSTA PEREIRA A esquerda não se cansou de criticar o antigo Governo por se dar bem com a República da China – mas agora...

Americanos apoiam mudanças em Luanda

O mau relacionamento entre a Sonangol e as companhias petrolíferas multinacionais que operam em Angola foi o pretexto do Presidente João Lourenço para pôr...

Rosa murcha: Costa tenta sobreviver à hecatombe dos socialistas europeus

Paulo Costa Pereira As nuvens negras não param de se concentrar sobre o palácio de São Bento. António Costa sabe certamente que, enquanto primeiro-ministro de...

Portugal enxovalhado em Angola

Por mais que o Presidente da República queira dourar a pílula, a sua recente passagem por Luanda, onde foi participar na cerimónia de posse do novo tiranete angolano, não poderá considerar-se gloriosa.

Visões opostas da Europa dividem geringonça

A proposta do presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, de criação do cargo de ministro europeu da Economia e Finanças dividiu por completo a geringonça, deixando o PS isolado na sua visão europeísta que PCP e Bloco rejeitam.

Fome, diamantes e contas em bancos estrangeiros

Os regimes de tirania comunista que se instalaram nas duas principais ex-províncias portuguesas em África deixaram um legado de corrupção, cleptocracia e desleixo que se mede por contrastes chocantes: ao lado da exibição de riqueza mais boçal, os sintomas da miséria mais pungente.