Morreu na cama, sem ter sido julgado no seu país, o tirano Fidel Castro, homem que governou com mão de ferro a ilha de Cuba desde o início dos anos sessenta. O regime continua através de seu irmão, Raul Castro, que ao contrário de Fidel sempre foi um socialista assumido.

Fidel Castro começou por ser moderado e apenas quando os Estados Unidos lhe negaram apoio para remover outro tirano, Fulgencio Batista, é que se virou para a União Soviética de forma a consolidar o seu regime. Subiu ao poder em Janeiro de 1959 com o posto de comandante supremo das forças revolucionárias, que depois incluíram o exército regular, e tornou-se primeiro-ministro em Fevereiro do mesmo ano. Governou directamente ou através do seu irmão, durante mais de 57 anos! Entre os governantes absolutos Luís XIV ganha-lhe a palma com 72 anos, no entanto Luís XIV governou apenas de facto de 1661, ano em que Mazarino faleceu, até 1715, ou seja, dois anos menos.

Fidel Castro teve muitos méritos, é um facto, um deles foi ter acabado com o regime podre, corrupto, dominado pela máfia americana, de facto o bordel e casino da Costa Leste dos Estados Unidos, de Batista. Um regime que os Estados Unidos, na sua cegueira total e na sua hipocrisia ideológica, mantiveram e apoiaram, apoiando de facto os interesses do crime organizado americano, dando-lhe uma gigantesca máquina de lavar dinheiro sujo que era a Cuba dos anos cinquenta.

Uma cegueira que perdurou ao ter retirado o reconhecimento que dera ao regime de Fidel nos primeiro dias de Janeiro de 1959. É evidente que os Estados Unidos deveriam ter removido Batista antes que Fidel chegasse a Havana e depois de consumado o facto deveriam ter chamado Fidel a si e não ter empurrado o futuro ditador para os braços dos russos.

O grande mérito foi ter posto em sentido os EUA na América Latina, contribuindo para o equilíbrio daquela região do globo e evitando uma hegemonia extremamente negativa que a exploração de recursos americana executava na região, alimentando regimes corruptos, mas obedientes, e que contribuiu para o subdesenvolvimento e criminalidade generalizada na América Latina. Fidel deu saúde e educação ao seu povo, mas também deu uma ditadura sanguinária, presos políticos, exilados, pouca liberdade económica e atraso no desenvolvimento.

Pesando alguns lados positivos, que a História julgará melhor do que nós, há questões de princípio quando se julga um homem marcante, e essas questões são cruciais. Quando se manda matar sem julgamento, quando se manda torturar em nome da revolução, cometem-se crimes imperdoáveis e esses crimes, no caso de Fidel, ficaram impunes. Como não deveriam ficar impunes as políticas americanas na zona. Note-se que Fidel deve o seu sucesso ao paradoxo do bloqueio americano.

Os EUA conseguiram fazer unir a maioria da população de Cuba em torno da política de Fidel e da sua propaganda. Nenhum regime consegue subsistir cinquenta e sete anos tendo a maioria da população contra. A política errada dos Estados Unidos no Caribe, e na América Latina em geral, deu à propaganda de Fidel, ajudada pela sua máquina repressiva, e pela censura, o inimigo exterior, o papão que tanto jeito deu ao regime cubano durante estes três quartos de século.

Hoje em dia Obama tentou quebrar o bloqueio, que não faz o menor sentido estratégico depois da queda do muro de Berlim, e que é apenas uma questão de orgulho e de teimosia americana. Seria uma das poucas acções inteligentes de Obama em política internacional, depois do descalabro do Iraque, a criação do DAESH, ou a idiotia das primaveras árabes que desestabilizaram ainda mais a região árabe fortalecendo o estado si- nistro que é a Arábia Saudita.

Esperamos que com a morte de Fidel a política americana não se inverta e não teime em dar a Raul Castro, agora com 85 anos, e seus sucessores, argumentos para manter o regime.

SIMILAR ARTICLES

0 795

0 411
  • BAAL

    Quando o vosso herói Salazar pôs a bandeira a meia haste, em sinal de pesar pela morte do Hitler, estava a lamentar a morte do herói ou do tirano ?

    • Ultramar

      Quando “vocês” poêm a “bandeira”, ou melhor o “pau”
      a meia haste, em sinal de pesar pela morte do Staline,
      estavam a borrar-se pela morte do tirano ou do canalha?

      • BAAL

        Para mim o Estaline foi um assassino como vocês.

        • Ultramar

          Cão comuna, filho de pai comuna, funcionário
          do partido assassino pcp, e de mãe comuna
          funcionária púbica, adorador de figuras sinistras
          como stalin que levou para a morte 40 milhões
          de cidadãos seus, sem exemplo na história da
          humanidade. SÓ comunistas realizam matanças
          entre o seu próprio povo. Porco comuna!

          • BAAL

            Sim ?

            Então os ditadores de direita fizeram o quê ?

            Os comunas e vocês são exatamente o mesmo tipo de assassinos.

          • Ultramar

            Vocês comunas são todos iguais e vai chamar
            “vocês” á merdha de pais que tens. Esses sim
            são, contigo, uns “vocês” comunas!

          • BAAL

            Vocês são tão assassinos como os comunas.

            Quando os teus queridos nazis andavam a assassinar mulheres e crianças isso é exatamente a mesma coisa que o que o Estaline fez.

          • Ultramar

            “Você” mordeu o anzol seu comuna “você”!!!!

          • BAAL

            Caro ultramar.

            Já lhe disse que para mim os comunas são iguais a vocês.

            Já agora, não acha melhor parar por aqui ?

            É que a sua conversa é tão bronca que sinto que estou a falar com um puto de três anos.

            Isto nem dá para discutir nada. Vocês chega aqui larga uns insultos, fica muito orgulhoso por fazer figura de idiota e não passa disto.

            Já pensou em voltar ao jardim escola ?

          • Ultramar

            Vá “você” seu comuna de merdha e leve os “vocês ”
            todos que conheça consigo. Pare lá com isto “você”
            porque conversa com comunas são impossíveis,
            apesar de “você” seu filho de uma phut@ tentar ao
            máximo para que eu caia nesse logro. PORCO!

          • BAAL

            Desculpe caro senhor.

            Foi você que durante meses postou propaganda nazi.

            Sendo assim você é um assassino de mulheres e crianças.

            Assim sendo VOCÊS são tão assassinos como os comunistas.

            Não me misture nas vossas merdhas extremistas.

          • Ultramar

            “Vocês” seus assassinos não enganam
            nem esganam mais ninguém.
            Ponto final parágrafo.

  • Maria Elisa

    Ainda me lembra da Vera Lagoa escrever para o “Diabo” se cá viesse até de ideologia mudava! honestamente esta malta mais nova mostra a pouca cultura que adquiriram e mesmo assim se dizerem jornalistas. estes rapazes não estão preocupados em fazer jornalismo mas em tentar impingir-nos que os maus são afinal os cubanos e os bons os trumps e outros do estilo. Ainda não perceberam que já ninguém acredita neste tipo de conversa de meninos órfãos de Salazar. Aparecem agora vestidinh https://uploads.disquscdn.com/images/970d9429aca81e94f289f5ca5eb494f80e7ef87b2b7119ecf2dba854d9d82dde.jpg os a rigor pata falar mal dos outros como se em portugal nada se passasse. Parece que não conhecem um tal de de Paulo Núncio, um Paulo Portal ou um Passos Coelho e o que fizeram aos portugueses. esse filme não viram mas o de Cuba até vêem com olhos fechados! Vão trabalhar que isso é só malandragem!

  • Maria Elisa

    Para responder ao que se diz “ULTRAMAR” nem sei bem o que isso quer dizer mas sei que em Moçambique um negro não chegava a qualquer lugar da administração pública, e que muitos filhos de aportugueses por lá ficaram para defender meia dúzia de senhores instalado por essas bandas. Ao pais eram devolvidos em caixões de pinho, claro que os filhos dos ricos iam para Londres para não irem para a guerra. SE o senhor tem assim tanta saudade desse tempo, aconselho-o a mudar-se para a Coreia do Norte parece que lá o regime é idêntico ao de Salazar! Esqueceu-se de dizer que os comunistas também comem criancinhas e velhinhos. Já agora tome a medicação para a azia que isso mata! Já agora lembro-lhe que estamos no século 21 e não nos anos 50 e 60. Acorde! https://uploads.disquscdn.com/images/2ba547365197ee33695daa8b4aec12847fbbc55a355ba357ef031c8c021b8015.jpg PIOR QUE UM COMUNISTA SÓ UM DIREITOLAS E AQUI TEM UM EXEMPLO!