O enigmático Senhor Gulbenkian

0
619
FCG.JA.3.ESTATUA

Sempre enigmático, ainda hoje não se sabe com exactidão a data do seu aniversário. Tomás Collares Pereira adianta o dia 23 de Março, mas a Fundação que ostenta o seu nome decidiu que durante todo o ano de 2019 se evocaria os 150 anos do nascimento de um homem que foi fundamental para a Cultura e a Ciência em Portugal.

O historiador britânico Jonathan Conlin preparou para o 150º aniversário do nascimento de Calouste Gulbenkian uma biografia do grande negociador arménio que foi o homem mais rico do mundo, e que deixou a Portugal a maior colecção de arte privada do País.

Com o título “O homem mais rico do mundo – As muitas vidas de Calouste Gulbenkian”, é uma biografia deste milionário construída por Jonathan Conlin a partir da consulta dos arquivos pessoais de Gulbenkian, em Arménio, Francês, Inglês, Alemão, Russo e Turco.

Porto seguro
No auge da Segunda Grande Guerra, Portugal representou para Gulbenkian um porto seguro. Em Abril de 1942, Calouste Gulbenkian encontra-se em França, mas decide procurar abrigo num país neutro. A escolha oscilava entre a Suíça e Portugal.


• Leia este artigo na íntegra na edição em papel desta semana já nas bancas