Quanto vale um elogio do ‘Financial Times’?

0
1271

Os socialistas e a imprensa do sistema embandeiraram esta semana em arco com um editorial do matutino britânico ‘Financial Times’ aparentemente favorável ao primeiro-ministro António Costa. 

O “respeitado jornal inglês” que agora elogia o “astuto” Mister Costa é o mesmo que em 2007 elogiava o “desempenho económico” de José Sócrates…

“As perspectivas positivas de Portugal oferecem alguma esperança à Europa”, escreveu o FT, logo classificado entre nós como “jornal económico inglês de referência internacional, talvez mesmo o melhor jornal do mundo”.

O que nem toda a gente saberá é que não é esta a primeira vez, em anos recentes, que o periódico da ‘nomenklatura’ financeira faz elogios a um primeiro-ministro português. Já em Abril de 2007 o editorialista de serviço tecia encómios ao “desempenho económico” do Governo de então, chefiado por José Sócrates. Precisamente o mesmo José Sócrates que poucos anos depois conduzia o País à bancarrota…  

Já então o ‘Financial Times’ era descrito na imprensa portuguesa como “o jornal de referência a nível mundial”, para emprestar mais crédito ao panegírico dos “resultados económicos que Sócrates conseguiu em Portugal, desde que assumiu o cargo de primeiro-ministro há dois anos”.

• Leia este artigo na íntegra na edição em papel desta semana já nas bancas